Novidades

31 de agosto de 2015

A Hora do Pesadelo - Revisitando o clássico


Um, dois, Freddy vem te pegar...

Como vocês já devem estar sabendo, o diretor, produtor e roteirista Wes Craven morreu ontem vítima de um tumor cerebral.



Ele foi responsável por muitas produções que fizeram parte da nossa infância/adolescência, como Aniversário Macabro, A Maldição de Samantha, Shocker, Voo Noturno... e até uma comédia de vampiro estrelada por Eddie Murphy, Um Vampiro no Brooklyn. Mas ficou famoso mesmo por duas grandes produções, uma delas foi o Pânico, que trouxe para os anos 90 a cultura dos Slasher Movies (sub-gênero de filmes de terror quase sempre envolvendo assassinos psicopatas que matam aleatoriamente), que era bastante popular nas décadas anteriores.



Apesar dessa série de filmes ser bem sucedida, o seu nome ainda continua bastante associado a outro estrondoso sucesso: a franquia A Hora do Pesadelo.



Chamada lá fora como A Nightmare on the Elm Street, a produção que teve seu primeiro longa lançado em 1984, nos trouxe Freddy Krueger, um outro tipo de Serial Killer, visto que na época já haviam sido apresentados ao público figuras como Leatherface (da franquia Massacre da Serra Elétrica), o Michael Myers (de Halloween) e seu maior rival da década de 80: Jason Voorhees, da série Sexta Feira 13. A diferença estava em seu modus operandi na hora de atacar suas vítimas. Ele as surpreendia durante o momento mais vulnerável do dia: enquanto dormiam.



Afinal, quem nunca teve um pesadelo? Isso permitia ao psicopata matar das formas mais criativas possíveis, assim como das formas mais cruéis. Seus alvos eram jovens que moravam na Rua Elm, na cidade de Springwood, filhos de pessoas que no passado incendiaram uma fábrica com o Krueger dentro, no intuito de puni-lo pela morte de várias crianças naquela cidade. Antes de morrer, Freddy faz um pacto com os demônios do sono, que lhes dão a imortalidade em troca da alma dos jovens.


Segundo Craven, o personagem foi baseado em um episódio da sua infância, quando viu um mendigo encarando-o pela janela de seu quarto à noite. “Ele não era apenas assustador, mas estava deliciado pelo fato de estar me apavorando e de poder antecipar os meus pensamentos” disse o criador. O nome do assassino veio de um garoto que praticava bullying contra o diretor no colégio, e que se chamava de fato Freddy Krueger. Já o conceito dos pesadelos surgiu a partir de uma série de notícias que Craven leu nos jornais, e que descreviam casos aparentemente sem conexão de três jovens que teriam morrido no Camboja durante seus sonhos. As autoridades médicas, na época, noticiaram o fato denominando-o como Síndrome da Morte Súbita Asiática.



Vários atores iniciantes atuaram no filme, incluindo um tal de Johnny Depp, que na época era um desconhecido, e que, segundo lendas de bastidores, só entrou na produção por causa da filha do próprio Craven que havia o achado "bonito". Inicialmente foi nas audições acompanhando um amigo e acabou conseguindo o papel de Glen, curiosamente, o amigo que Depp foi acompanhando era Jackie Earle Haley, o ator que interpretou o Freddy Krueger na pavorosa refilmagem de "A Nightmare on Elm Street" em 2010... Ah, o personagem dele morre, e da forma mais foda e sanguinária possível!



Portanto, se você nunca assistiu a esse filme, seja nas reprises da Sessão das Dez no SBT ou no Corujão da Globo, não perca tempo. Apesar de alguns efeitos datados e de um final extremamente aberto a interpretações, o filme ainda vale a pena, rende bons sustos e uma boa atmosfera de aflição. 


Pequenas Curiosidades:

  • O filme fez um grande sucesso, rendendo continuações não tão boas, e até um encontro com seu arquirrival da década de 80 em filmes slasher... o podre Freddy x Jason. Confira abaixo as sequências:
  1. A Nightmare on Elm Street 2: Freddy's Revenge - A Hora do Pesadelo 2: A Vingança de Freddy (1985).
  2. A Nightmare on Elm Street 3: Dream Warriors - A Hora do Pesadelo 3: Guerreiros dos Sonhos (1987).
  3. A Nightmare on Elm Street 4: The Dream Master - A Hora do Pesadelo 4: Mestre dos Sonhos (1988).
  4. A Nightmare on Elm Street 5: The Dream Child - A Hora do Pesadelo 5(1989).
  5. Freddy's Dead: The Final Nightmare - Pesadelo Final: A Morte de Freddy (1991).
  6. Wes Craven's New Nightmare - O Novo Pesadelo (1994).
  7. Freddy vs. Jason (2003).
  8. A Nightmare on Elm Street: Wes Craven's New Nightmare - A Hora do Pesadelo - O Novo Pesadelo, O Retorno de Freddy Krueger (2010).

  • No Brasil, os filmes tiveram duas dublagens diferentes, Freddy recebeu as vozes dos atores Isaac Bardavid pela Globo e Mario Montini pelo SBT.

  • Após ter alguns pesadelos com Freddy Krueger, Nancy, a personagem central, tenta não dormir e para permanecer acordada ela assiste The Evil Dead  de 1981. O que ela está vendo na televisão é o trailer cinematográfico do filme. Um pôster rasgado do mesmo filme também pode ser visto durante o filme. 

  • Em uma espécie de retribuição a homenagem, Sam Raimi coloca a luva de Krueger na cabana onde o personagem Ash se vê atormentado novamente pelos demônios em Evil Dead 2, sugerindo que os filmes se passam no mesmo universo...


Por hoje é só, pessoal... e bons sonhos!


#RIPWesCraven


Atos Finais