Novidades

4 de junho de 2015

Nar... Bor... SARADA GAIDEN Nº 6

Pois bem, pois bem! Eae, galere, tudo certo? Aqui quem fala é o PCB, e hoje vamos falar do capítulo 706 de Naruto. Vamos lá:



(lembrando que já falamos dos capítulos anteriores AQUI)


Enquanto isso, no episódio passado... Sarada Uchiha encontrou seu pai, Sasuke Uchiha. Este tinha ido encontrar Naruto pra falar sobre membros recém-descobertos do extinto clã Uchiha. Mas os dois não tiveram tempo de conversar pois os “novos Uchihas” surgiram, tentando atacar Sarada. Mas Naruto defendeu-a, enquanto Sasuke partiu pra atacar o líder inimigo...



...E no episódio de hoje: Sasuke consegue facilmente interromper o ataque dos dois adversários (pai e filho), além de descobrir que ambos se chamam Shin Uchiha e que planejam recriar a Akatsuki.  

Sasuke, então, planeja atacá-los, pra prender o inimigo a fim de obter mais informações e também para dar uma brecha pra Naruto fugir com Sarada (e Chouchou). Porém, nesse momento, o Shin-pai usa sua habilidade, que consiste em controlar armas, e atinge Naruto com a espada de Sasuke.


Neste momento, Naruto baixa sua guarda, e o inimigo prepara outras armas pra atingir Sarada, porém Sasuke defende a filha, fazendo com que os instrumentos o atingissem e imobilizassem seus movimentos.

Quando o inimigo ia atacar novamente, Sasuka surge, o atingindo com toda força. Porém, apesar de imobilizar o Shin-pai (o filho já havia sido gravemente ferido por Sasuke), os inimigos conseguem fugir com um jutsu temporal, levando Sakura com eles...





Eae, vale? Esse capítulo tratou de uma questão interessante, que já devia estar na cabeça dos fãs: por mais que o inimigo seja forte, Naruto e Sasuke (e mesmo Sakura) estão em um nível de poder imenso, o que pode tornar as lutas deles meio inverossímeis. Aí tem que acabar caindo em desculpas do tipo “ah, Naruto foi atacado porque está enferrujado”.

Além disso, o vilão principal convidou Sasuke pra ajudá-lo na reconstrução da Akatsuki, sendo que antes pareceu que seu grande objetivo era matar Sasuke. Teremos que esperar pra ver se era mera desculpa pra se dar bem na situação ou se foi um furo de roteiro mesmo.


Mas apesar de algumas falhas, o mangá está divertido (pros fãs, claro). Neste capítulo, podemos ver mais do poder dos vilões, além de introduzir Sakura melhor na história. No geral, mantém o interesse pro próximo capítulo.



Nota: 7/10

Atos Finais